1 Filme e 10 temas de redação: A onda Deixar um comentário

Dirigido por Dennis Gansel, “A onda”, filme alemão de 2008, é uma história baseada em eventos reais em que um professor tenta, de maneira diferente, ensinar seus alunos sobre autocracia. Para isso, deixa-os completamente motivados fazendo da sala de aula exemplo de regime autocrata com normas a serem seguidas pelos participantes.

O professor Rainer Wenger depara-se ao chegar na escola com a situação de lecionar um assunto diverso do que planejava, a autocracia. Paralelamente, é técnico do time de handebol da escola. Rainer então, tenta inovar na aula e começa a ensinar na prática como é um governo autocrático, estabelecendo regras e exigências comportamentais que imitam uma autocracia, cuja figura principal seria ele mesmo.

O grupo formado criou uniforme, cumprimento com um sinal e se autodenominou A ONDA. O professor, com seu comportamento, capacidade de liderança e a forma de trazer todos os alunos para aquela realidade, acaba por envolvê-los de uma maneira tal que alguns alunos levam aqueles ensinamentos sobre o regime estudado para dentro de casa.

A interação dos alunos com essa realidade criada pelo professor deixa-os tão próximos do movimento autocrata que eles acabam por exagerar de forma tal que começam a praticar atos de vandalismo na cidade, na tentativa de envolver todos nessa “onda”. Só após o conhecimento da situação, o Sr. Wenger resolve reunir todos os alunos que faziam parte da “onda” para desfazer o movimento. É nesse momento que Tim, o aluno mais envolvido com o grupo, se revolta e por não aceitar o fim da “onda” e acaba por se matar, afirmando que “a onda era sua vida”.

O filme apresenta razões que podem levar à alienação política e ao desenvolvimento de lideranças autoritárias, como o vazio de identidade vivenciado pela juventude, a ausência de projetos coletivos e o desinteresse das pessoas pela área da política. Essa história transmite a ideia de que não é só em um contexto de guerra que pode haver um governo autoritário, mas também na atualidade, devido ao fato de regras de convivência e ética estarem bastante relativizadas. Isso é perceptível por meio do comportamento dos alunos, que demonstram carência de autoridade, confundindo esse sentimento com a valorização do autoritarismo.

Fonte: http://www.geekiebooks.wordpres.com

.

DEZ TEMAS DE REDAÇÃO

.

01 O papel do jovem na sociedade contemporânea

02 Cidadania e participação social

03 A ascensão da intolerância no Brasil

04 Nacionalismo e identidade brasileiras

05 Alienação e participação social

06 Intolerância à diversidade

07 Bullying

08 Polarização ideológica

09 Falência das instituições e descrença na democracia

10 O papel da educação no Brasil do século XXI

.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *